Política editorial

Critérios de publicação do Fórum das Cidades

No Fórum das Cidades incentiva-se a partilha e o debate plural e participado, regido por regras legais e de urbanidade, com o propósito de integrar os agentes da governação sectorial e territorial, do sistema científico e tecnológico nacional e da sociedade civil numa contribuição empenhada e construtiva da análise e de diversidade de opiniões nos domínios do desenvolvimento urbano sustentável.

A salvaguarda do princípio de construção de um espaço de debate respeitado por todos implica que os comentários no Fórum das Cidades não sejam ofensivos, insultuosos, difamatórios, de cariz xenófobo, violento, racista ou de algum modo discriminatório ou violador dos direitos humanos.

As caixas de comentários devem ser utilizadas para defender pontos de vista informados, relevantes e intelectualmente honestos, mantendo sempre o espírito do diálogo. Prosseguindo estes objetivos, definem-se os seguintes critérios de publicação de comentários:

1.    Todos os parceiros e subscritores podem comentar no Fórum das Cidades desde que estejam registados, o que implica a utilização de um endereço de correio eletrónico válido. Não são permitidos comentários anónimos de visitantes;

2.    Os comentários aos conteúdos publicados no Fórum das Cidades são entendidos como um valor acrescentado à informação veiculada, um espaço de discussão de opiniões, pontos de vista e análises diferentes para a criação de um espaço livre de debate, respeitoso e aberto. Espera-se que os comentários sejam realizados observando as regras básicas de urbanidade e adequação da linguagem utilizada a um fórum público;

3.    Não são permitidos comentários que incluam acusações de caráter criminal, insultos, linguagem grosseira ou difamatória, violações da vida privada, incitações ao ódio ou à violência, ou que preconizem violações dos direitos humanos;

4.    Estão proibidos comentários racistas, xenófobos, sexistas, obscenos, homofóbicos, assim como comentários de tom extremista, violento ou de qualquer forma ofensivo em questões de etnia, nacionalidade, identidade, religião, filiação política ou partidária, clube, idade, género, preferências sexuais, incapacidade ou doença;

5.    Não são permitidos conteúdos comerciais, publicitários, partidários ou propagandísticos;

6.    Os comentários não podem ser escritos integralmente em maiúsculas, devendo estas ser usadas preferencialmente no início das frases e em siglas e acrónimos;

7.    Os comentários não podem incluir moradas, endereços de e-mail ou números de telefone.

O Fórum das Cidades reserva-se o direito de eliminar comentários que não cumpram estes critérios, bem como de suspender contas de subscritores que desrespeitem reiteradamente as bases da sua política editorial.

A bem da transparência que se deseja num espaço de debate livre e franco, o Fórum das Cidades, sempre que questionado por apagar um comentário, publicará uma mensagem no mesmo espaço mencionando as razões pelas quais o comentário foi apagado e incitando à republicação do mesmo comentário, dentro dos critérios mencionados.

Pretende-se que este seja um espaço de diálogo, pelo que o Fórum das Cidades aceita e agradece todas as críticas e sugestões, desde que estas sejam escritas com cordialidade e com a intenção de corrigir ou enriquecer a informação prestada, usando os espaços de comentário disponíveis ou enviando uma mensagem de correio eletrónico para forumdascidades@dgterritorio.pt

 

Data da última atualização: 27/03/2017
0
Data / Período:

1 Out 2015

Artigos relacionados:

Etiquetas

Abordagens territoriais integradas Agenda Territorial Agenda urbana Alimentação e agricultura Alterações climáticas Ambiente urbano AUGI Avaliação de políticas Baixo carbono boas práticas Cidade-região Cidades inteligentes cidades prósperas cidades sustentáveis Coesão territorial Comparação Comunidades locais Conceitos Concurso Conselho da Europa consulta pública Contratação pública Demografia Desenvolvimento sustentável Desenvolvimento territorial desenvolvimento urbano integrado Desenvolvimento urbano sustentável Dinamarca Direitos humanos Diversidade territorial Economia circular Economia e emprego Economia social Educação Espaço público Espaço transfronteiriço ESPON Estratégias nacionais Evento Financiamento Fiscalidade Formação Fundos europeus Governança Habitação Imobiliário Inclusão social Indicadores Inovação Inovação social Instrumentos Investigação e conhecimento Itália Jovens marketing territorial Migrações e refugiados Mobilidade e transportes Municípios Natureza e biodiversidade Nações Unidas Observação OCDE Ordenamento do Território Paisagem Participação pública Património e cultura Pequenas e médias cidades plataforma online PNPOT Policentrismo POLIS XXI Política de coesão Política nacional Política nacional de cidades Qualidade de vida urbana Redes e parcerias urbanas regeneração urbana Rússia Serviços de interesse geral Sistemas de informação Sistema urbano Solo Transição digital Transição energética Turismo União Europeia URBACT Urbanismo Urbano-rural Áreas funcionais Áreas metropolitanas áreas urbanas