Urban Innovative Actions

Iniciativa da Comissão Europeia que garante aos municípios recursos europeus para testar soluções urbanas inovadoras no período 2014-2020
Urban Innovative Actions (UIA) | Ações Urbanas Inovadoras é uma iniciativa da Comissão Europeia que garante às áreas urbanas do espaço europeu recursos para testar novas soluções em torno de desafios urbanos. Suportada pelo Artigo 8.º do Regulamento FEDER, a iniciativa tem um orçamento total de 372 milhões de euros FEDER no período 2014-2020.

Apesar da investigação em assuntos urbanos estar bem desenvolvida, as soluções potenciais nem sempre são colocadas em prática por relutância das autoridades urbanas em investir dinheiro em ideias novas, não provadas, e por tal arriscadas.  Esta iniciativa oferece a essas autoridades a possibilidade de assumir esse risco e experimental as soluções mais inovadoras e criativas para os grandes desafios urbanos. 

A iniciativa UIA destinam-se a autoridades urbanas, isoladas ou agrupadas, com mais de 50.000 habitantes, localizadas em um dos 28 Estados-Membros da União Europeia.  Estas autoridades urbanas devem mobilizar e envolver os actores que possam trazer experiência e conhecimento no assunto específico de política para a concepção e execução mais efectiva da solução urbana inovadora, incluindo organismos públicos, sector privados, instituições de investigação, organizações não-governamentais, etc.  

A iniciativa UIA pode apoiar as autoridades urbanas de duas formas:

  1.  Garantindo fundos para o projecto, num cofinanciamento de 80% até ao limite máximo de 5 milhões de euros FEDER para execução do projecto inovador;
  2. Reunindo e partilhando o conhecimento que o projecto irá gerar, permitindo aprender com os seus sucessos e limitações.  

​A iniciativa é gerida pela Direção-Geral para a Política Regional e Urbana da Comissão Europeia e a sua operacionalização foi delegada na Região francesa Nord-Pas-de-Calais.

Saiba mais no portal uia-initiative.eu

 

Data da última atualização: 22/12/2016
0

Etiquetas

Abordagens territoriais integradas Agenda Territorial Agenda urbana Alimentação e agricultura Alterações climáticas Ambiente urbano Arte e cultura Avaliação de políticas Ações inovadoras Baixo carbono boas práticas Cidade-região Cidades inteligentes Coesão territorial Comunidades locais Conceitos Concurso Conselho da Europa Contratação pública cooperação nacional Demografia Desenvolvimento sustentável Desenvolvimento territorial desenvolvimento urbano integrado Desenvolvimento urbano sustentável Dinamarca Direitos humanos Diversidade territorial Economia circular Economia e emprego Economia social Educação Espaço público Espaço transfronteiriço ESPON Estratégias nacionais EUKN Evento Fundo de Desenvolvimento Urbano Fundos europeus Governança Habitação Identidade Inclusão social Indicadores Inovação Inovação social Instrumentos Investigação Investigação e conhecimento Itália JESSICA Jovens Legislação nacional Lugar marketing territorial Migrações e refugiados Mobilidade e transportes multiculturalismo Municípios Natureza e biodiversidade Nações Unidas Observação Observação do território OCDE Ocupação do solo Ordenamento do Território Paisagem Parcerias Participação pública Património Pequenas e médias cidades PNPOT Policentrismo POLIS XXI Política de cidades Política de coesão Política nacional Política nacional de cidades Qualidade de vida urbana reabilitação urbana Redes e parcerias urbanas regeneração urbana revitalização urbana Rússia Segurança e espaço público Serviços de interesse geral Sistema de gestão territorial Sistemas de informação Sistema urbano Solo Transição digital Transição energética Tratado internacional Turismo União Europeia URBACT Urbanismo Urbanização Urbano-rural Áreas funcionais Áreas metropolitanas